Perfeito do inicio ao fim, Vettel vence na Austrália

Pareceu absolutamente fácil, e realmente foi para o alemão Sebastian Vettel vencer o GP da Austrália. Se ele sobrou no treino em relação a todos os pilotos, na corrida a facilidade de sua vitória pareceu ser maior ainda, pois o alemão chegou com mais de 22 segundos de vantagem para Lewis Hamilton, o segundo colocado na prova.

Vitaly Petrov, da Renault-Lotus, fez uma bela corrida e chegou e terceiro lugar, alcançando assim seu primeiro pódio na Fórmula 1.

Ao contrário do ano passado, o sol apareceu o tempo todo, desde a largada até o final da corrida. Na largada, Vettel, Hamilton e Webber mantiveram suas posições, mas atrás deles, apareceu Petrov que, como sempre, largou bem e ganhou a posição de Jenson Button e Fernando Alonso.

Felipe Massa, que largava na oitava posição, também conseguiu uma ótima largada, pulando para quinto, a frente de Jenson Button Fernando Alonso acabou tendo problemas na largada e chegou a cair para a nona posição.

Ainda na primeira volta, Rubens Barrichello, que largou em décimo sétimo, acabou saindo da pista na curva três, caindo para a última posição. Micharel Schumacher, da Mercedes, acabou se envolvendo em um toque com o espanhol Jaime Alguersuari, da Toro Rosso, obrigado Schumi a parar ainda na primeira volta.

Após a largada, a maior disputa das primeiras voltas da corrida foi entre Felipe Massa e Jenson Button. O piloto inglês, que tinha um carro mais rápido que o do brasileiro, não conseguia ultrapassar porque Massa se defendia muito bem. Enquanto isso, um pouco mais atrás, Fernando Alonso se recuperava bem da má largada, e não demorou de se aproximar de Button e Massa.

O brasileiro se defendia como podia, mas uma ultrapassagem de Jenson Button já era esperada, já o inglês tinha um carro muito mais rápido. A disputa pemaneceu até a 12º volta quando Button tentou a ultrapassagem no S de alta após a reta oposta.

Os dois quase se tocaram, e Button cortou caminho para poder ultrapassar o brasileiro. Fernando Alonso, que estava perto dos dois, aproveitou para ultrapassar Felipe Massa e partir pra cima de Jenson Button.

Lá na frente, Vettel e Hamilton estavm folgados na liderança da prova, com o inglês começando a se aproximar de Vettel em algumas voltas. Percebendo que isso era por causa do desgaste de pneus, Vettel foi chamado na 15º volta pros boxes, o que aconteceria duas voltas depois com Hamilton.

Jenson Button, que cortou caminho para ultrapassar Felipe Massa e não devolveu a posiçao de imediato, acabou sendo punido com uma passagem pelos boxes, pagou a punição na 18º volta. Na 20ª volta, Button fez sua troca de pneus, e voltou para a pista fora da zona de pontuação. Mas, um pouco mais a frente, Rubens Barrichello, que fazia uma ótima corrida e estava em nono lugar, após uma bela ultrapassagem em cima de Kobayashi, acabou errando na freada da curva três.

O brasileiro, que disse que defendia sua posição do japonês Kobayashi, acabou acertando o carro de Nico Rosberg, da Mercedes. O alemão teve que abandonar, pois teve seu radiador danificado na batida. Button, que ficou fora dos pontos depois da parada, acabou entrando de novo na zona com isso. Rubens ainda foi punid com um drive through mais tarde.

Lá na frente, Vettel e Hamilton permaneciam tranquilos nas primeiras posições. Na volta de número 27, Webber fez sua segunda parada nos boxes, com Alonso fazendo a sua parada logo depois do austaliano. Felipe Massa, que estava atrás dos dois, fez sua parada na 32º volta. O brasileiro colocou pneus duros para tentar ir até o final da corrida sem parar mais.

Na 36º volta, Vettel e Hamilton também fizeram suas trocas de pneus, e voltaram para a pista com as mesmas posições de corrida até aquele momento. Uma boa surpresa da prova Petrov figurava em terceiro até a volta 37, quando teve que parar, voltando para a pista na quinta posição.

Na frente do russo, Alonso começava a ameaçar o australiano Mark Webber, que parou de novo na volta 42. Mais tarde, Fernando Alonso pararia também, e ganharia a posição de Mark Webber nos boxes, mas os dois perderam suas posições para Vitaly Petrov, que voltava a figurar na terceira posição.

Quem chamava a atenção na última parte a prova era a equipe Sauber, mas principalmente com o mexicano Sergio Perez, um dos estrantes da temporada 2011 de Fórmula 1. Perez chegou a fazer a volta mais rápida da corrida, e quando se aproximou do Button recebeu a ordem do seu engenheiro de atacar  inglês.

Button, porém, ultrapassou Felipe Massa, que parou nos boxes devido ao mal desempenho dos pneus duros, e o méxicano herdou a sétima posição. Sem esquecer que ele fez apenas uma parada, o que parecia ser impossivel com esses pneus de desgaste maior. Atrás dele vinha seu companheiro de equipe, Kamui Kobayashi. Felipe Massa voltou na décima posição depois da parada, atrás de Buemi.

Na frente, Webber tentava recuperar sua posição pra cima de Alonso, mas parecia não fazer nenhum esforço maior para isso, mesmo tendo o mesmo carro do piloto que dominava a corrida até ali. Fernando Alonso, mesmo com um carro inferior, se defendia bem de algum ou outro ataque que Webber lançava, mas nada que preocupasse.

Nas últimas voltas, Felipe Massa conseguiu fazer a volta mais rápida da corrida,e depois de algum tempo, conseguiu ultrapassar Buemi, da Toro Rosso, para assumir a nona posição. Mais a frente, Alonso tentava se aproximar de Petrov, mas o russo conseguiu se mater distante o suficiente para cruzar a linha de chegada em terceiro.

Vettel, da Red Bull, venceu com facilidade a corrida, 22 segundos na frente de Hamilto, que fez uma ótima corrida, ainda mais que o assoalho de seu carro ficou soltou durante um bom tempo, mas nada que atrapalhasse o inglês. Webber foi uma decepção correndo em casa,  foi apenas o quinto colocado na corrida. Button chegou em sexto, com as incriveis Sauber’s de Perez e Kobayashi em sétimo e oitavo, respectivamente.

Felipe Massa chegou em nono, e Buemi completou a lista dos dez primeiros. Barrichello abandonou  prova faltando seis voltas para o final, com problemas no câmbio. Mais tarde, a Sauber foi desclassificada da prova por acharem irregularidades no carro, mas a equipe irá recorrer da decisão.

GP da Austrália – Resultado final:

1°. Sebastian Vettel (ALE/Red Bull-Renault), 1h29min30s259
2°. Lewis Hamilton (ING/McLaren-Mercedes), a 22s2
3°. Vitaly Petrov (RUS/Renault), a 30s5
4°. Fernando Alonso (ESP/Ferrari), a 31s7
5°. Mark Webber (AUS/Red Bull-Renault), a 38s1
6°. Jenson Button (ING/McLaren-Mercedes), a 54s3
7°. Felipe Massa (BRA/Ferrari), a 1min25s1
8°. Sébastien Buemi (SUI/Toro Rosso-Ferrari), a 1 volta
9°. Adrian Sutil (ALE/Force India-Mercedes), a 1 volta
10°. Paul di Resta (ESC/Force India-Mercedes), a 1 volta
11°. Jaime Alguersuari (ESP/Toro Rosso-Ferrari), a 1 volta
12°. Nick Heidfeld (ALE/Renault), a 1 volta
13°. Jarno Trulli (ITA/Lotus-Renault), a 2 voltas
14°. Jérome D’Ambrosio (BEL/Virgin-Cosworth), a 3 voltas

Não compleraram a corrida

15°. Timo Glock (ALE/Virgin-Cosworth), a 5 voltas/mecânico
16°. Rubens Barrichello (BRA/Williams-Cosworth), a 6 voltas/câmbio
17°. Nico Rosberg (ALE/Mercedes),  a 36 voltas/acidente
18°. Heikki Kovalainen (FIN/Lotus-Renault), a 39 voltas/mecânico
19°. Michael Schumacher (ALE/Mercedes), a 39 voltas/mecânico
20°. Pastor Maldonado (VEN/Williams-Cosworth), a 48 voltas/pane seca

Kamui Kobayashi e Sergio Perez, ambos da Sauber, foram desclassificados.

Melhor volta: Felipe Massa (BRA/Ferrari), 1min28s947 (volta 55)

Publicado em março 27, 2011, em Uncategorized. Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. O melhor da corrida foi a transmissão/locução !!! + Torcida para que a equipe de locução seja exatamente a mesma ao longo da temporada! Parabéns!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: